quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Chegou a hora do Canadá


 Nos próximos 16 meses, o Canadá estará no centro das atenções do futebol feminino mundial, com a realização de nada menos que 84 partidas de dois grandes eventos internacionais no país. Neste sábado, a contagem regressiva para a Copa do Mundo Feminina Sub-20 da FIFA 2014 e para a edição de 2015 do principal torneio da disciplina entrará numa nova etapa. O sorteio dos grupos para a competição sub-20 ocorrerá em Montreal, definindo o caminho das 16 equipes que brigarão pela taça no próximo mês de agosto e oferecendo um aperitivo para o Mundial do ano que vem. 

O Canadá nunca sediou uma Copa do Mundo Feminina da FIFA antes, mas já conhece muito bem o torneio sub-20, já que foi palco da edição inaugural disputada em 2002. O sucesso daquele evento, e do futebol feminino em geral, foi realçado pela presença de 47.784 pessoas na final, um recorde da competição que perdura até hoje. 

A estrela canadense Christine Sinclair estava entre as jogadoras que entraram em campo naquele dia, e ela não apenas recorda da competição como "uma experiência inesquecível", mas também está confiante de que as jogadoras que participarão da edição deste ano podem esperar o mesmo clima de apoio e paixão nas arquibancadas.

A confiança de Sinclair é compartilhada pelo CEO do Comitê Organizador Local de ambos os eventos, Peter Montopoli, que pôde ver de perto o entusiasmo e a expectativa aumentando conforme o momento vai se aproximando. "As pessoas no Canadá estão felizes por sediarmos esses torneios", afirmou. "O povo quer ser parte significativa no sucesso dessas competições, comprando ingressos, assistindo às partidas na televisão ou atuando como voluntários."

O lançamento do Programa Nacional de Voluntários, em outubro, foi um dos principais passos tomados no ano passado, ao lado do início da venda de ingressos para o Mundial Sub-20, da divulgação da agenda da Copa do Mundo Feminina da FIFA e da realização das eliminatórias nos quatro cantos do planeta. 

Milhares de voluntários já se apresentaram para trabalhar, e o sorteio deste sábado é o mais recente desafio de uma jornada que Montopoli quer estender para depois da final do Mundial de 2015, que será realizada no dia 5 de julho. "Estamos tentando mudar o panorama do esporte no Canadá", comentou o dirigente. "Acreditamos que sediar esses dois eventos é a coisa certa a se fazer e que o esporte está indo na direção correta."

O torneio sub-20 ocorrerá nas cidades de Edmonton, Moncton, Montreal e Toronto, com a promessa de que o "amanhã começa hoje" justificada pela história criada nos torneios anteriores. Sinclair é apenas uma das renomadas jogadoras que participaram dessa competição, uma lista que inclui atletas premiadas internacionalmente como Marta, Alex Morgan e Dzsenifer Marozsan. Além disso, muitas jovens que participarão do evento deste ano certamente estarão de olho em uma vaga na Copa do Mundo do ano seguinte, cujas eliminatórias estão ocorrendo desde abril do ano passado. 

Igualar o sucesso da edição realizada na Alemanha em 2011 já será um grande feito, embora os organizadores estejam convencidos de que as seis sedes da competição — Edmonton, Moncton, Montreal, Ottawa, Vancouver e Winnipeg — mostrarão o que há de melhor na bela nação norte-americana. "A Copa do Mundo Feminina da FIFA 2015 será o primeiro grande evento esportivo realizado no Canadá de costa a costa, desde Vancouver, na Colúmbia Britânica (oeste do país), até Moncton, no litoral atlântico", explicou o presidente da Federação Canadense de Futebol e do Comitê Organizador Local, Victor Montagliani. "Organizar essas competições com sucesso atenderá a nossa prioridade estratégica de incentivar e avaliar o crescimento do futebol no nosso país, e de deixar um legado para o esporte, para as mulheres e para o Canadá, um legado que ficará depois da competição."

O Canadá tem grandes expectativas em relação aos torneios e está preparado para alcançá-las. Com o futebol feminino em crescimento, e a nação determinada a fazer bonito como sede de dois eventos de nível mundial, os próximos 16 meses, iniciados em Montreal neste sábado, certamente serão inesquecíveis. Siga o sorteio da Copa do Mundo Sub-20 Feminina da FIFA 2014 e fique ligado nas últimas notícias pelo FIFA.com e pela conta @FIFAWWC no Twitter. 

Feminina Sub-20 relacionada para etapa de preparação

A Seleção Feminina Sub-20 fará a primeira etapa de treinamento para o Mundial do Canadá deste ano, após a conquista do Sul-Americano do Uruguai, de 17 a 30 de março, no CT João Havelange, em Pinheiral.
Para a fase de trabalho, o técnico Adilson Santos convocou 28 jogadoras. Destas, 14 foram campeãs sul-americanas este ano: Letícia Izidoro, Nágela, Julia Bianchi, Camila, Letícia Santos, Djenifer, Gabriela, Andressa, Byanca, Patrícia Sochor, Natália, Ludmila, Cássia Moura e Duda.
A Copa do Mundo do Canadá será disputada de 5 a 24 de agosto.
Goleiras
Nicole - Vitória de Santo Antão
Letícia Izidoro - São José
Rosany - Tuna Luso
Amanda - Francana
Zagueiras
Nágela - Rio Preto
Julia Bianchi - Centro Olímpico
Maxinny - Vitória de Santo Antão
Thuanny - Duque Caxias
Thaynara - Foz Cataratas
Laterais-direita
Camila - Kindermann
Letícia Santos - Kindermann
Lateral-esquerda
Raquel - Francana
Volantes
Laysa - América de São Manoel
Djenifer - Kindermann
Gabrielle - XV Piracaba
Gabriela - Caucaia
Meio-campo
Bruna - São José
Andressa - Kindermann
Atacantes
Byanca - Foz Cataratas
Natalia - Vitória de Santo Antão
Ludmila - Rio Preto
Patrícia Sochor - Comercial Campo Grande
Duda - São Francisco do Conde
Cássia Moura - Tuna Luso
Gabrielle Portilho - Kindermann
Tábatha - Ferroviária
Rafaela - Ferroviária

Seleção Feminina é convocada para amistosos contra Austrália

A Seleção Feminina tem mais dois compromissos definidos em 2014. O Brasil enfrentará a Austrália duas vezes no mês de abril, em Brisbane, nos dias 6 e 9.
Para os amistosos, o técnico Marcio Oliveira convocou 20 jogadoras para representar a Seleção Brasileira.
Os dois amistosos fazem parte da preparação brasileira para a disputa do Sul-Americano deste ano, ainda sem data e local definidos.
Veja a lista completa:
Goleiras
Thaís Picarte - Centro Olímpico
Kaká - São José
Zagueiras
Bruna Benites - São José
Andreia Rosa - Avaldsnes/Noruega
Gislaine - São José
Laterais-direita
Poliana - São José
Fabiana - Tyresö/Suécia
Laterais-esquerda
Barrinha - Rio Preto
Tamires - Centro Olímpico
Volantes
Formiga - São José
Thaisa - Tyresö/Suécia
Djenifer - Kindermann
Bia - Ferroviária
Meia de ligação
Rosana - Avaldsnes/Noruega
Marta - Tyresö/Suécia
Meias atacantes
Andressa Alves - São José
Debinha - Avaldsnes/Noruega
Adriane - Ferroviária
Atacantes de referência
Darlene - Rio Preto
Cristiane - Centro Olímpico

Assessoria CBF

Principais resultados da Copa do Brasil de Futebol Feminino 2014


A terceira fase da Copa do Brasil de Futebol Feminino começou nesta quarta-feira, com vitória de todas as equipes que atuaram em casa: Vitória, São Francisco, São José e Picos/PI.

O Vitória derrotou o Tuna Luso por 3 a 1: Juliana (duas vezes) e Marcella marcaram para as pernambucanas; e Cássia Moura diminuiu para as visitantes.

O São Francisco venceu a Ferroviária por 3 a 2: Gilmaria, Larissa e Duda fizeram para as donas da casa; e Patrícia e Raquel marcaram para as paulistas.

O São José derrotou o Kindermann por 3 a 2: Glaucia, Giovânia e Chu marcaram para o São José; Andressinha e Djenifer fizeram para as visitantes.

O Picos, do Piauí, venceu o Esmac/PA por 1 a 0: Simeia fez o gol da partida.

Confira abaixo os principais resultados da Copa do Brasil de Futebol Feminino 2014 até o momento, veja também os confrontos futuros:

Primeira Fase
Jogos de Ida
29/01/2014Monamy-RN08São Francisco-BA
29/01/2014Picos-PI50Comercial-MS
29/01/2014São Raimundo-RR00Viana-MA
29/01/2014Estrela Real-TO06Rio Preto-SP
29/01/2014Assemurb-AC06Caucaia-CE
29/01/2014Foz Cataratas-PR03São José-SP
29/01/2014Atlantico-RS27Kindermann-SC
29/01/2014Ferroviária-SP140União Esportiva-AL
29/01/2014Espigão-RO01Iranduba-AM
30/01/2014C. Jao-GO12Esmac-PA
30/01/2014Neves-MG20Capital-DF
30/01/2014Mixto-MT01Duque de Caxias-RJ
31/01/2014Bahia-BA12Sport-PE
01/02/2014Santana-AP35Tuna Luso-PA
01/02/2014Comercial-ES15Vasco-RJ
06/02/2014Botafogo-PB00Vitória-PE

Jogos de Volta
05/02/2014Comercial-MS07Picos-PI
05/02/2014Viana-MA30São Raimundo-RR
05/02/2014União Esportiva-AL08Ferroviária-SP
05/02/2014Iranduba-AM50Espigão-RO
05/02/2014Esmac-PA22C. Jao-GO
05/02/2014Duque de Caxias-RJ40Mixto-MT
05/02/2014Sport-PE51Bahia-BA
05/02/2014Tuna Luso-PA20Santana-AP
06/02/2014Capital-DF22Neves-MG
09/02/2014Vitória-PE10Botafogo-PB
Oitavas de Final
Jogos de Ida
12/02/2014Rio Preto-SP32São José-SP
12/02/2014Tuna Luso-PA41Caucaia-CE
12/02/2014Picos-PI20Duque de Caxias-RJ
12/02/2014Ferroviária-SP110Sport-PE
13/02/2014Vasco-RJ11Kindermann-SC
13/02/2014Iranduba-AM13São Francisco-BA
13/02/2014Neves-MG01Esmac-PA
14/02/2014Viana-MA21Vitória-PE
Jogos de Volta
19/02/2014São José-SP10Rio Preto-SP
19/02/2014Caucaia-CE10Tuna Luso-PA
19/02/2014Duque de Caxias-RJ32Picos-PI
19/02/2014Sport-PE04Ferroviária-SP
19/02/2014Kindermann-SC32Vasco-RJ
19/02/2014São Francisco-BA21Iranduba-AM
19/02/2014Esmac-PA11Neves-MG
20/02/2014Vitória-PE30Viana-MA
Quartas de Final
Jogos de Ida
26/02/2014Vitória-PE31Tuna Luso-PA
26/02/2014São Francisco-BAFerroviária-SP
26/02/2014São José-SP32Kindermann-SC
26/02/2014Picos-PI10Esmac-PA
Jogos de Volta
04/03/2014Ferroviária-SPSão Francisco-BA
04/03/2014Kindermann-SCSão José-SP
05/03/2014Tuna Luso-PAVitória-PE
05/03/2014Esmac-PAPicos-PI
Semifinais
Jogos de Ida
Jogos de Volta
Final

Silvia Neid: "Gosto do papel de favorita"



Em janeiro, Silvia Neid foi eleita a Treinadora do Ano de Futebol Feminino da FIFA pela segunda vez. Depois de ser agraciada com o prêmio em 2010, ela repetiu a façanha em 2013, recebendo o devido reconhecimento pelo seu excepcional desempenho como técnica da seleção alemã feminina. Desde 2005 que a ex-jogadora está comandando as garotas alemãs, conquistando pelo seu país a Copa do Mundo Feminina da FIFA e duas Eurocopas, além de uma medalha de bronze olímpica e dois títulos da Copa Algarve.

"O mais importante é ter uma equipe funcional", afirmou Neid, contando a sua receita para o sucesso. "Uma única pessoa como eu não pode fazer nada. Para isso é preciso ter uma boa comissão técnica, que trabalhe bem e seja leal. Obviamente também precisamos de jogadoras que coloquem em prática o que planejamos. Além disso, é extremamente importante ter uma boa estrutura e é isso o que temos na Federação Alemã de Futebol. O nosso campeonato nacional não é um dos melhores do mundo por acaso."

"Além disso, temos ainda as nossas seleções juvenis, que são muito bem comandadas pelas nossas treinadoras, que aliás também foram jogadoras da seleção alemã", prosseguiu Neid. "Também é importante seguir a mesma linha de pensamento, que existe desde as seleções de base até a principal. Esta foi a nossa felicidade depois que tivemos tanto azar com contusões antes da Eurocopa. Viajamos para o torneio continental com jogadoras muito jovens e cada jogadora sabia o que era exigido da sua posição. E por fim também precisamos de uma certa dose de sorte. Porque sem isso não é possível conquistar título nenhum."

Foi justamente esta conhecida dose de sorte e uma Nadine Angerer no melhor da sua forma que garantiram o oitavo triunfo alemão em Eurocopas. A final contra a Noruega não poderia ter sido mais emocionante. Dois pênaltis defendidos pela Jogadora do Ano da FIFA fizeram com que o coração da treinadora disparasse claramente.

"A final foi uma montanha-russa das emoções", relembrou a técnica de 49 anos sobre os primeiros 45 minutos da decisão. "O pênalti foi marcado e eu pensei: 'Será que foi pênalti mesmo? Natze [apelido da goleira Nadine Angerer], você precisa defender essa bola.' E foi isso que ela fez. Até então, estávamos muito bem no jogo, os primeiros 20 minutos foram nossos. A penalidade nos tirou um pouco do ritmo. Foi perceptível que as jogadoras, apesar da defesa, ficaram um pouco inseguras. Foi bom que depois veio o intervalo e pudemos discutir alguns aspectos táticos."

"Depois do reinício da partida, lá estava a Noruega de novo", continuou Neid. "Mas o nosso gol saiu no momento certo. Então foi marcado mais um pênalti. A única coisa que pensei nessa hora foi: 'Natze, faça isso de novo!' Mas na realidade não é normal que se defenda dois pênaltis justamente em uma final. Depois ficou claro para mim que seria muito difícil para a Noruega marcar um gol em nós naquele dia. A Nadine estava simplesmente impossível. No final, o gol que marcamos foi suficiente e ficamos incrivelmente felizes e orgulhosas."

Favoritismo no Canadá
Em seguida, as alemãs utilizaram o triunfo na Eurocopa como estímulo nas eliminatórias para a Copa do Mundo Feminina da FIFA Canadá 2015. No Grupo 1, a equipe de Neid segue imbatível. Cinco vitórias em cinco jogos e um saldo de 40 gols marcados e nenhum sofrido são um retrospecto impressionante. A Alemanha é a líder indiscutível da chave e a classificação está praticamente garantida. Mas Neid não sente que as expectativas estejam crescendo porque, para ela, a antecipação está sempre presente.

"Quando treinamos uma seleção alemã feminina, as expectativas sempre estão bem lá em cima", explicou Neid. "A Alemanha está sempre entre as favoritas. É simples assim. Mas também fomos nós que provocamos essas expectativas com muito trabalho e com os nossas conquistas de duas Copas do Mundo, uma Eurocopa e três medalhas de bronze nas Olimpíadas. Visto desta forma, gosto muito do papel de favorito."

Mas, até o Canadá 2015, a treinadora está pensando em outras duas competições ainda em 2014. Primeiro, haverá a Copa Algarve entre os dias 5 e 12 de março, quando as garotas alemãs enfrentarão China, Islândia e Noruega. Depois disso, a treinadora alemã também está ansiosa para acompanhar a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014, ainda que seja um torneio de futebol masculino.

"Será um evento fantástico", comentou Neid. "Acredito que a nossa seleção masculina tenha boas chances de chegar muito longe. Estou torcendo para isso e esperando que o meu colega Joachim Löw consiga chegar à final. E, então, tudo será possível." 

Guarani de Cerrito a um passo da grande final


Guarani de Cerrito
Dione Albert, Taissa Costa, Rosa Ferreira, Vitoria Stigger, Alessandra Griespach, Fernanda Buss, Luana Porciuncula, Eliandra Lucian Weber, Carol Santos, Jeniffer Silva, Giovana Porciuncula, Sonia Colman e Hugo Böhmer Koschier.


As semifinais da categoria feminina do Campeonato da Associação  Desportiva da Colônia de Pelotas (ADCP) movimentou no último final de semana as quatro melhores equipes da competição, União, Barbuda, Corrientes e Guarani, duas partidas e nove gols assinalados, destaque para a vitória do Guarani que venceu  a forte equipe do Corrientes e agora ficou mais perto da decisão contra o vencedor do confronto entre União e Barbuda, a equipe do União largou na frente e venceu a primeira partida da fase semifinal pelo placar de 5x0.




A competição acontece na região Sul do Estado e  registra a revelação de atletas para o futebol  feminino da região, do estado e até com convocação para a seleção brasileira. 

Informações sobre equipes e competições podem ser enviadas para contato@ligafemininadefutebol.com.br 

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Ihezuo: após o recorde, o título


 

Chinwendu Ihezuo já colocou o próprio nome no livro dos recordes da Copa do Mundo Feminina Sub-17 da FIFA, mas a atacante nigeriana admite que quer mais. Na edição de 2012, no Azerbaijão, a superpotência africana caiu em um grupo com Colômbia, Canadá e o país anfitrião. Com apenas nove minutos no seu jogo de estreia, as africanas perdiam do Canadá por 1 a 0 e estavam perto da derrota, quando a então jovem de 15 anos marcou o gol do empate.

No jogo seguinte, a Nigéria enfrentou o Azerbaijão, e Ihezuo foi o grande destaque, liderando a equipe a golear o time da casa por 11 a 0, marcando um recorde de cinco gols em uma mesma partida do torneio. Uma vitória por 3 a 0 sobre a Colômbia na última rodada deixou as africanas na liderança do grupo. A adversária nas quartas de final foi a França, que venceu a Nigéria na decisão por pênaltis.

Embora Ihezuo tenha disputado apenas quatro jogos, os seus seis gols a deixaram como vice-artilheira do torneio, atrás apenas da norte-coreana Ri Un-Sim, que anotou oito vezes em seis partidas. Ihezuo foi agraciada com a Chuteira de Prata adidas, que lhe foi entregue em uma cerimônia realizada um ano depois, na Nigéria. Porém, a garota de 17 anos sente que o trabalho está incompleto. "Ainda me sinto mal de termos sido eliminadas. Tive satisfação pessoal por ser a segunda artilheira da competição, mas como time não atingimos o que queríamos."

A Nigéria participou de todas as edições de torneios mundiais sub-17 (e sub-20 também), e esta caminhada prosseguirá na Costa Rica. A visita à América Central dará a Ihezuo a oportunidade de ampliar o seu número de gols pelo Mundial: se não se lesionar ou passar por qualquer tipo de incidentes, ela estará na seleção nigeriana novamente.

Uma segunda tentativa
Como uma das jogadores mais experientes do elenco, Ihezuo sabe que atrai muitas expectativas de todos. "Tento ajudar as minhas companheiras com a experiência que tenho. Como já disputei uma Copa do Mundo, sei o que esperar e posso com isso ajudar as demais jogadoras do nosso plantel."

A equipe, que atingiu as quartas de final dos últimos dois Mundiais antes de não conseguir chegar lá na edição inaugural de 2008, caiu na chave de Colômbia, México e China. Ihezuo admite que sabe muito pouco sobre as mexicanas e as chinesas. "Mas jogamos contra a Colômbia na última edição. Elas jogam um futebol muito rápido."

A Nigéria se classificou para a Costa Rica 2014 sem disputar sequer uma partida, pois a seleção concorrente desistiu de disputar as eliminatórias. A falta de jogos competitivos, porém, não é algo que preocupe a goleadora. "Apenas uma seleção deveria jogar conosco, mas desistiu. Jogamos alguns amistosos, que nos ajudaram muito."

"A nossa preparação está indo muito bem. Viajaremos a Portugal para os preparativos finais. Posso dizer que até agora está tudo bem. As pessoas na Nigéria esperam que possamos ganhar a Copa, e acho que somos uma das equipes que têm chance."

Apoio familiar
Ihezuo começou a jogar futebol nas ruas de Ajegunle, um distrito de Lagos, onde também surgiram vários ex-jogadores de nível mundial, como Samson Siasia, Taribo West e Emmanuel Amuneke. "Comecei a jogar bola quando era ainda uma menininha, e me dei conta de que tinha talento."

A seguir, ela passou a jogar pelo Pelican Stars. Depois de quebrar recordes no Azerbaijão, Ihezuo continuou atuando pelo clube de Calabar, que é o maior campeão do futebol do país, mas a sua vida mudou muito pouco. "A única coisa que mudou para mim quando voltei do Azerbaijão foi que passei a ter mais exposição, as pessoas começaram a reparar mais em mim."

Ihezuo, que mora em casa com os pais, conta com um grande apoio da família: ela é a caçula de oito irmãos. E se Chinwendu voltar da Costa Rica com a medalha de ouro além da Chuteira de Prata que já tem, eles ficarão ainda mais orgulhosos de sua filha do que já estão. 

FIFA.COM

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Nova Zelândia volta ao Mundial

Não houve surpresa nas eliminatórias da Oceania para a Copa do Mundo Feminina Sub-20 da FIFA. Com autoridade, a Nova Zelândia garantiu sua vaga para a competição pela quinta vez consecutiva ao derrotar na última rodada Papua Nova Guiné por 3 a 0 em duelo realizado na cidade de Auckland.
As duas seleções chegaram à rodada final com 100% de aproveitamento após vitórias sobre Vanuatu e Tonga. Assim, quem vencesse o confronto garantiria vaga no Mundial do Canadá. As donas da casa, então, abriram o placar com Belinda Van Noorden, mas sofreram pressão das visitantes e só foram garantir o triunfo com dois gols no final.
O Mundial Feminino Sub-20 da FIFA será disputado entre os dias 5 e 24 de agosto.

Via : http://pt.fifa.com/

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Copa do Brasil: sete clubes classificados para as quartas de final

Foto: Rafael Ribeiro / CBF
Tuna Luso/PA, Picos/PI, Kindermann/SC, Esmac/PA, São Francisco/BA, Ferroviária/SP e São José/SP são as equipes que já estão classificadas para a terceira fase da Copa do Brasil de Futebol Feminino 2014. Vitória/PE e Viana/MA decidem a última vaga nesta quinta-feira, em Vitória de Santo Antão, às 16 horas - no jogo de ida, 2 a 1 para as maranhenses.

Nesta quarta-feira, a Diretoria de Competições realizou o sorteio de definição de mandos de campo para a próxima etapa do torneio: São Francisco, São José, Picos e Viana ou Vitória jogam a primeira partida em casa.

Veja os confrontos da terceira fase:
São Francisco/BA x Ferroviária/SP
Vitória/PE ou Viana/MA x Tuna Luso/PA
São José/SP x Kindermann/SC
Picos/PI x Esmac/PA

Confira os resultados dos confrontos desta quarta-feira - os classificados estão em negrito e os resultados dos jogos de ida entre parênteses:
Caucaia/CE 1 (1) x (4) 0 Tuna Luso/PA
Duque de Caxias 3 (0) x (2) 2 Picos/PI
Kindermann/SC 3 (1) x (1) 2 Vasco/RJ
Esmac/PA 1 (1) x (0) 1 Neves/MG
São Francisco/BA 2 (3) x (1) 1 Iranduba/AM
Sport/PE 0 (0) x (11) 4 Ferroviária/SP
São José/SP 1 (2) x (3) 0 Rio Preto/SP

Assessoria CBF

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

15ª Copa Regional de Futsal Feminino


A Organização da Copa Cruzeiro de Futsal informa que já estão abertas as Inscrições para a 15ª Copa Regional de Futsal Feminino, que será realizada no dia 16 de Março de 2014 (domingo) das 9h30min às 18h nas 2 quadras do Complexo do DC Eventos em Pelotas - RS. O Valor da Taxa de Inscrição é de R$ 160,00 e serão disponibilizadas 16 vagas. As Inscrições deverão ser realizadas diretamente com o Organizador da competição Wendel Souza até o dia 11/03 ou até completarem as vagas. Para garantir a vaga é necessário o pagamento de no mínimo R$ 80,00 e o valor restante deverá ser entregue somente no Congresso Técnico do dia 12/03. Convidamos sua Equipe para participar da competição. Maiores Informações pelo Facebook: Wendel Silva, E-Mail: copacruzeiro@hotmail.com, ou pelo Cel: (53) 9157 1975 - Oi / (53) 9104 1664 - Claro / (53) 8107 5293 ou então visite nosso Site: www.copacruzeiro.com.br, que já está atualizado com todas as informações da próxima competição e também com o Calendário dos eventos de 2014 definido."

Seleção Feminina disputa torneio no Chile em março

A Seleção Brasileira disputará em março os Jogos Sul-Americanos em Santiago, no Chile. O torneio será a primeira etapa de preparação para o Sul-Americano, que dará vaga ao Mundial de 2015 no Canadá.

Para a competição no Chile, que será realizada de 8 a 16 de março, o técnico Márcio Oliveira convocou 18 jogadoras.

Os adversários e a forma de disputa ainda não foram divulgados pela organização do campeonato.
Veja a lista das convocadas:

Goleiras
Thaís Picarte - Centro Olímpico
Luciana - Ferroviária
Zagueiras
Bruna Benites - São José
Alline Calandrini - Centro Olímpico
Tayla - Ferroviária
Jujuba - XV Piracicaba
Laterais
Poliana - São José
Tamires - Centro Olímpico
Volantes 
Formiga - São José
Maria - São José
Gabriela - Caucaia
Bia - Ferroviária
Meio-campo
Gabi Zanoti - Centro Olímpico
Meia-atacante/ atacante
Andressa Alves - São José 
Adriane - Ferroviária
Rafinha - Ferroviária
Darlene- Rio Preto
Cristiane - Centro Olímpico

Assessoria CBF

Vasco e Kindermann empatam em 1 a 1 no Rio de Janeiro

A segunda fase da Copa do Brasil de Futebol Feminino 2014 começou na quarta-feira, com quatro jogos. Nesta quinta-feira, a etapa continuou. No Rio de Janeiro, Vasco e Kindermann empataram em 1 a 1 - Alanna Larissa abriu o placar para as visitantes e Milho empatou no segundo tempo.
Em Sete Lagoas, Minas Gerais, o Esmac, do Pará, derrotou o Neves por 1 a 0. Livia fez o gol da partida.

O São Francisco derrotou o Iranduba por 3 a 1 em Rio Preto da Eva. Larissa e Duda, duas vezes, fizeram os gols das visitantes. Francinete marcou para as donas da casa.
Viana x Vitória de Santo Antão fecha os jogos de ida da segunda fase na sexta-feira.
As partidas de volta serão na próxima quarta-feira, 19 de fevereiro.
Confira a tabela completa aqui.

Assessoria CBF

PL do futebol feminino será destaque do programa Lance Legal da TV Câmara


Na manhã desta quarta-feira, dia 12 de fevereiro, o Deputado Federal José Stédile (PSB/RS) participou da gravação do programa “Lance Legal”da TV Câmara. A entrevista de Stédile faz parte da série “Time Brasil em 2016” que discute temas esportivos, entre eles a situação do futebol feminino brasileiro.

O deputado socialista falou sobre o Projeto de Lei de sua autoria que prevê a destinação de recursos para o incentivo desta modalidade esportiva, bem como, apontou medidas e soluções para promover e valorizar o futebol feminino no Brasil.

“Os resultados das nossas jogadoras dependem do talento e esforço individual, uma vez que não há políticas públicas voltadas para o desenvolvimento desta importante modalidade esportiva”, destaca Stédile.

O autor ressalta que, apesar da popularidade do futebol na sociedade brasileira, e da crescente participação feminina nesse esporte, não há políticas públicas voltadas para o desenvolvimento dessa modalidade. Em consequência, lembra que “até os dias de hoje o Brasil nunca foi campeão mundial ou olímpico de futebol feminino”.
Para o deputado, a destinação de 5% do patrocínio recebido por uma agremiação esportiva para que as federações dos estados invistam na modalidade “dará início à sua valorização”.
Tramitação
O texto foi enviado para análise conclusiva das comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Turismo e Desporto; e de Constituição e Justiça e de Cidadania


A gravação será exibida no mês de março pela TV Câmara. Informaremos a data e horário de exibição.

Por Assessoria de Imprensa


domingo, 9 de fevereiro de 2014

Arbitragem feminina brasileira em alta

Reconhecidamente em ascensão, surgindo cada vez mais mulheres querendo desempenhar a função, a arbitragem feminina brasileira está em alta. Não por acaso, cinco árbitras brasileiras foram convidadas por Conmebol e FIFA para participar de três competições internacionais em 2014.
No período de 7 a 18 de março, Simone Xavier/RJ e Nadine Bastos/SC estarão no X Jogos Sul-Americanos. O evento acontecerá no Chile.

Já as árbitras Ana Marques/PE e Katiuscia Berger/ES serão as representantes brasileiras no Mundial Sub-17 de Futebol Feminino, que será disputado na Costa Rica em março.
Convidada pela FIFA, a assistente Janette Arcanjo/MG participará da Copa Algarve 2014.

Assessoria CBF